DECIO MARQUES

Início dos anos 80.

Luta contra a ditadura militar instituída em 1964 e ampliada em 68, após o AI-5.

Estudantes, nos momentos de debates etílicos e esperanças por um país melhor explicitadas nas faculdades ou nas casas dos amigos (em Conquista, na casa de Gilda e Nivaldo Bozin, este o primeiro candidato a vereador lançado por nós, então fundadores do PT na cidade).

Nos debates, o som em BG na vitrola incluía Dércio Marques, um sucesso. Dércio, mais adiante iria se casar com Diana Pequeno, também sucesso no meio universitário e entre os revolucionários.

A esperança por um país melhor não desapareceu, mas um dos ícones da estudantada desse período morreu. Dércio Marques se foi, deixando na memória dos que viveram ativamente aquele período as lembranças “oitentistas”.

Nenhum comentário

Postar resposta

© 2012 Casa da Música - Todos os Direitos Reservados